Conecte conosco

Esportes

Apesar do contrato de risco, novo meia diz que está 100%

Publicado

em

Programas Sociais

Caio César assina com o Bahia até dezembro, mas pode ser mandado embora caso haja algum problema mais grave.

Ele foi reprovado no Figueirense há menos de um mês por problemas médicos, mas chegou ao Bahia garantindo estar apto para jogar. O meia Caio, 26 anos, assinou um contrato de risco até dezembro, com opção de compra de 50% dos direitos econômicos. Caso tenha algum problema mais grave, é dispensado sem custos para o Bahia.

Revelado pelo Barueri, o jogador destacou-se no Palmeiras, onde foi treinado pelo técnico Caio Júnior e marcou nove gols na Série A de 2007. Depois, foi vendido ao Frankfurt, da Alemanha, onde jogou nos últimos quatro anos e saiu em maio.

“Tive um problema na cartilagem do joelho, mas não é nada grave. Precisei fazer um fortalecimento muscular. Estava treinando fisicamente e estou 100%. Ainda vou conversar com a comissão técnica, mas quero estar em campo o mais rápido possível”, diz.

O jogador, que passou por diversos exames médicos desde a última segunda- feira, não se desanima com a atual situação do Bahia no Brasileirão e garante que o tricolor vai reagir. “O momento não é bom, mas acho que posso ajudar. O que tira a gente dessa situação é o trabalho”, afirma. Quinta, no Fazendão, Caio fez um treino leve na academia. A expectativa é que ele participe das atividades com bola na próxima semana.

Retornos – Para o confronto de domingo, às 16h, contra o Grêmio, no Olímpico, o treinador Caio Júnior terá o retorno de dois jogadores. O volante Fabinho e o meia Mancini treinaram normalmente e estão confirmados. Gabriel segue fora da equipe.

 

Fonte: Ibahia.com.br

P U B L I C I D A D E
P U B L I C I D A D E

Copyright © 2017 Página Simões Filho