Conecte conosco

MUNDO

Aviões transportando diplomatas russos expulsos decolam de Washington

Publicado

em

Simões Filho tá Mudando
56 anos de emancipação

Do Sputinik –  Duas aeronaves transportando diplomatas russos expulsos e suas famílias decolaram do Aeroporto de Dulles e agora estão indo em direção a Moscou. No total, 171 pessoas deixaram os EUA, número que inclui os membros da família dos diplomatas.

A embaixada russa nos Estados Unidos anunciou mais cedo que dois aviões da frota aérea federal russa “Rossiya” desembarcaram em Washington DC para buscar os diplomatas e suas famílias. O chefe da missão diplomática russa nos EUA, Anatoly Antonov, teria acompanhado os diplomatas expulsos para o aeroporto. Nenhum incidente durante a partida compulsória de seus colegas foi relatado.

No início do dia, Antonov disse que o caso Skripal era um pretexto para levar a cabo uma guerra de palavras contra a Rússia que foi planejada por um longo período de tempo.

O governo do presidente dos EUA, Donald Trump expulsou 60 diplomatas russos e suas famílias e decidiu fechar o Consulado Geral russo em Seattle, Washington, depois que o ex-espião russo Sergei Skripal e sua filha Yulia foram supostamente envenenados com a neurotoxina A234.

O Ministério das Relações Exteriores da Rússia, em resposta, anunciou a expulsão de 58 funcionários da embaixada dos EUA em Moscou, além de dois funcionários do Consulado Geral dos EUA em Ecaterimburgo e o fechamento do Consulado Geral dos EUA na cidade russa de São Petersburgo.

P U B L I C I D A D E
P U B L I C I D A D E
P U B L I C I D A D E

Copyright © 2017 Página Simões Filho