Conecte conosco

CIDADES

BANCÁRIOS BAIANOS DECIDEM CONTINUAR EM GREVE

Publicado

em

Simões Filho tá Mudando
56 anos de emancipação

Fonte: Política Livre

Em assembleia realizada nesta segunda-feira (3), os bancários baianos decidiram pela manutenção da greve. Em greve há 28 dias, os bancários não abrirão mão de aumento real, porque os bancos formam o setor mais lucrativo da economia nacional e conseguem alcançar lucros expressivos, apesar da crise, segundo o sindicato. Na última negociação, os banqueiros propuseram acordo com validade de dois anos: para 2016, reajuste de 7% para salários e demais verbas, além de abono de R$ 3,5 mil; para 2017, recomposição da inflação mais aumento real de 0,5%. A proposta foi rejeitada. Os bancários querem reajuste de 14,62% – o que inclui reposição da inflação e 5% de aumento real -, Participação nos Lucros e Resultados de três salários mais R$ 8.317,90, ampliação nas contratações, segurança e melhores condições de trabalho.

P U B L I C I D A D E
P U B L I C I D A D E

Copyright © 2017 Página Simões Filho