Conecte conosco

CIDADES

Dor, lágrimas e muita comoção marcam o sepultamento de ex-ouvidor-geral de Simões Filho

Publicado

em

Simões Filho tá Mudando
56 anos de emancipação

Do MapeleNews – Dor, lágrimas e muita comoção marcaram o sepultamento do ex-ouvidor-geral de Simões Filho, Celso Miranda, na manhã desta sexta-feira (16).

A reportagem do Mapele News acompanhou o cortejo fúnebre, que saiu da Câmara de Vereadores, onde Celso foi velado em direção ao Cemitério São Miguel. No cortejo, familiares, amigos, políticos, autoridades municipais e admiradores de Celso manifestavam condolências por seu falecimento.

“Foi uma perda imensurável para Simões Filho. Além de ter uma trajetória política de grande influência na cidade, Celso era uma pessoa extraordinária, humilde e de bom coração”, comentou um amigo da família.

Francisco Celso Miranda Santos, popularmente conhecido como “Celso Não há Barreiras”, lutava contra um tumor no cérebro e estava internado no Hospital Aristides Maltez, em Salvador, onde realizaria uma cirurgia no próximo dia 23.

Infelizmente, o quadro clínico de Celso evoluiu e ele acabou falecendo aos 44 anos, antes mesmo de realizar o procedimento cirúrgico.

Celso foi assessor do ex-vereador Josa, candidato a vereador por algumas vezes e se tornou primeiro suplente de vereador na eleição 2016 pelo PTN, ocupou também o cargo de Ouvidor Geral na gestão do ex prefeito Eduardo Alencar.

Todo o conteúdo do site Mapele News, inclusive imagens e fotografias estão protegidos por Lei. Você pode reproduzi-lo, desde que cite a fonte dando os devidos créditos.

P U B L I C I D A D E
P U B L I C I D A D E
P U B L I C I D A D E

Copyright © 2017 Página Simões Filho