Conecte conosco

Alagoinhas

“Essa é a eleição do acerto de contas”, diz Joseildo durante lançamento de candidatura a deputado federal em Alagoinha

Publicado

em

Simões Filho tá Mudando
56 anos de emancipação

Cerca de mil pessoas se reuniram na manhã deste domingo (26), no Tênis Clube de Alagoinhas, no evento de lançamento oficial da candidatura a deputado federal de Joseildo Ramos, que atualmente ocupa uma cadeira na Assembleia Legislativa da Bahia e exerce o cargo de Líder da Bancada do Partido dos Trabalhadores (PT).

Além da população, lideranças e vereadores de diversos municípios da região, estiveram presentes também a prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho os vereadores de Alagoinhas Thor de Ninha e Luciano Sérgio, e os candidatos a deputado estadual Radiovaldo Costa e Osni Cardoso.

Concorrendo pela primeira vez à Câmara Federal, após ser prefeito e deputado estadual, Joseildo fez críticas às recentes votações da reforma trabalhista e PEC do Teto dos Gastos, além do processo de tentativa de privatização de empresas públicas nacionais.

“Essa é a eleição do acerto de contas com os carcamanos que, em nosso nome, retiraram direitos duramente conquistados. Vendilhões do templo, esses bandidos que não merecem o voto do trabalhador baiano”, afirmou. “O voto pode brilhar se ele for livre, for consequente e pensar nas futuras gerações”, completou.

Primeira deputada federal a ser eleita pelo Partido dos Trabalhadores da Bahia, a prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho, afirmou que deixou o cargo para concorrer à prefeitura por compromisso com a população do município.

“Fui deputada por dois anos, o suficiente para conhecer o Congresso Nacional. Eu não sairia de lá para cumprir minha missão com o povo se eu não soubesse que iria para o meu lugar alguém tão ‘de com força’ como esse cabra”, afirmou Moema.


Candidato a deputado estadual, ex-vereador de Alagoinhas e dirigente licenciado do Sindipetro, Radiovaldo Costa defendeu a Petrobras, a soberania nacional e denunciou a tentativa de entrega do petróleo nacional a empresasestrangeiras.

“A maior riqueza que esse país tem não é ouro, não é ferro, é petróleo. Agora esses pilantras vão para o Congresso para entregar essa riqueza, que é um investimento no nosso futuro, para o capital internacional. E isso acontece, Joseildo, porque nós não temos mais deputados lá como você”, afirmou Radiovaldo.

P U B L I C I D A D E
P U B L I C I D A D E

Copyright © 2017 Página Simões Filho