Conecte conosco

Últimas do Dia

SIMÕES FILHO: TRISTE NATAL DE ESPERANÇA

Publicado

em

No lugar do salpicão, do peru, do tender ou do panetone, boa parte da população de Simões Filho terá, com sorte, um prato de arroz com feijão, ovo e carne moída.

Principalmente àqueles que estiveram nomeados na prefeitura municipal em diversos cargos de médio e baixo escalão e que foram fiéis ao alcaide até os últimos minutos de sua batalha política. Será o mesmo também, para centenas de professores da rede municipal uma vez que nem estes, ainda em atividade, receberam a última parcela do décimo terceiro salário, garantido por Lei.

Aos exonerados, foi mantida a esperança de que os mesmos receberiam suas verbas rescisórias, o que iria permitir a estes, ao menos a realização de uma ceia digna da data que simboliza o nascimento do Filho de Deus.

O fato, é que após o resultado das urnas, o prefeito Eduardo Alencar, colocou em prática uma “agenda mínima”, sem ações e realizações através das várias secretarias de governo, o que deixou a cidade ao deus dará.

Nas diversas repartições públicas municipais, a sensação é de que não há comando ou hierarquia, não há o respeito pelo cidadão, tão exigido pelo próprio prefeito Eduardo Alencar.

É o que se pode chamar, sem exagero, de caos.

Simões Filho está em caos total.

Não há na memória dos mais jovens, a lembrança de um natal tão escuro, sem o mínimo de decoração natalina nas ruas e praças, algo aliás, que sempre foi feito sem a menor preocupação com o espírito natalino, exigido para o período.

Com essa falta de cuidado, o comércio local, que já sofre com a crise econômica, se vê obrigado a fazer malabarismos para conseguir vender e manter as portas abertas.

É este, um breve relato do natal do simõesfilhense este ano.

O povo, que por quatro vezes conduziu Eduardo Alencar ao posto de prefeito da cidade, se vê agora, ao final de 2016, desprezado, humilhado, desrespeitado.

A sensação que se tem, é de que tudo isso representa uma vingança, imposta ao povo, pela derrota no último dois de outubro.

E assim será em Simões Filho: um triste natal, no ano em que a esperança por mudanças, marcou a história política da cidade.

Nos resta ainda, a fantasia natalina…

Quem sabe uma cartinha a Papai Noel?

“Querido papai noel, desejo que todas as famílias de Simões Filho tenham um Feliz Natal!”

 

 

 

Jornalista DRT/MTB nº 4584/BA - Atualmente é editor dos sites Tudo é política e Página Simões Filho. Tem formação em contabilidade e experiência como Instrutor profissional nas áreas de designer gráfico e programação para web.

Eleições

“JUSTISSA ÇEGA” NÃO, CAOLHA

Publicado

em

justiça-cega-não-caolha

Então: se quem é réu em processo criminal não pode ficar na linha de sucessão, quem é réu em processo criminal pode concorrer ao cargo?

A pergunta é importante!

A maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, no dia 3 de Novembro de 2016, que réus com processos na corte não podem ocupar cargos na linha sucessória da presidência da República.

Isso é: quem é réu em processo criminal, sendo julgado pelo STF, não pode permanecer na linha de sucessão da presidência.

Para quem não sabe, o deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ), é réu em dois processos criminais – por incitação ao crime de estupro e por uma queixa-crime por injúria, apresentada pela deputada Maria do Rosário.

O nome disso?

INSEGURANÇA JURÍDICA.

Continuar Lendo

Eleições

DEBATE DA BAND VIROU SABATINA A RUI COSTA

Publicado

em

Em debate realizado entre os candidatos ao governo da Bahia, na noite desta quinta-feira, 16 de agosto, na Band Bahia, o atual governador Rui Costa foi o alvo principal dos demais candidatos. ouviu sobre segurança, saúde, educação.

Em certos momentos, o que deveria ser um exercício de perguntas com respostas, réplicas e treplicas entre os candidatos, virou uma verdadeira SABATINA a Rui Costa.

Resultado?

Rui, passeou.

Continuar Lendo

TEXTÍCULOS DO MÁRIO

BACELAR VAI VIRAR FIGURINHA FÁCIL EM PARADAS GAY

Publicado

em

Ele que ser o primeirão!

O deputado federal Bacelar (Podemos) foi o primeiro candidato à reeleição, pela Bahia, a assinar a Plataforma Eleições 2018 – Promoção da Cidadania LGBTI+.

O documento reúne as questões prioritárias para a garantia dos direitos e a consolidação da cidadania plena da população brasileira de lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais e intersexuais.

“A população LGBTI precisa de mais atenção e de uma legislação eficaz…”

Mininuuu, arrazou!

Desse jeito, vai virar figurinha fácil em tudo que é para gay para receber homenagens.

Continuar Lendo

AS MAIS LIDAS DA SEMANA

Copyright © 2017 Página Simões Filho