56 anos de emancipação
Especiais ÚLTIMAS NOTÍCIAS

[ IMBECILIDADE NÃO TEM LIMITES ] Nasceu “FACEBOOKSON”! É mole?

[ IMBECILIDADE NÃO TEM LIMITES ] Nasceu “FACEBOOKSON”! É mole? 3 de outubro de 20111 Comment

Jornalista DRT/MTB nº 4584/BA - Atualmente é editor dos sites Tudo é política e Página Simões Filho. Tem formação em contabilidade e experiência como Instrutor profissional nas áreas de designer gráfico e programação para web.

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Apareçam outros Facebooksons, Orkutson, Twitteriana, Blogarina, Weberson, Instagramo, e por aí vai.

Humor.
Essa foi a manchete do jornal americano Daily Bulletin. O casal brasileiro que aparece na foto batizou o filho com o nome de Facebookson, uma homenagem a rede social que foi o meio por onde eles se conheceram e começaram o namoro.
Uma homenagem que demorou para aparecer em um país onde surgem nomes muito estranhos e inspirados em diversas coisas. Nomes desse tipo são mais do que comuns em um país que sofre forte influência do mercado norte-americano, da televisão e agora da web.
Enquanto o nome é comum ou não tão estranho ainda vale a homenagem e a inspiração, porém, em muitos casos o nome pode afetar de forma muito forte a criança, gerando problemas psicológicos, piadas e coisas do tipo. Esse certamente será o caminho do Facebookson, que será alvo de muitas e muitas reportagens, brincadeiras com os colegas e muito mais.
Por outro lado, vivemos em um país onde não seria de se estranhar que nomes assim comecem a ganhar popularidade e apareçam outros Facebooksons, Orkutson, Twitteriana, Blogarina, Weberson, Instagramo, e por aí vai. Imagine a chamada na sala de aula? Os futuros craques do futebol? Um possível presidente? Sua namorada?
Ok, o nome não representa o caráter e nem as qualidades da pessoa. Mas enquanto esses nomes não se proliferam os filhos da web vão sofrer bastante.
Só para finalizar me colocando na história. Não tenho um nome comum. Me chamo Antenor e sofri muito na escola com gozação e coisas do tipo. E olha, meu nome só não era comum, mas existia, meu avô se chamava assim. Aprendi a lidar com isso e reverti a história, usando meu nome e apelido como marca da minha personalidade e daquilo que faço.
A força da televisão é tão grande que hoje muitos dos que falavam e brincavam e até aqueles que sempre acharam estranho me falam bem do nome, já que agora o mocinho da novela foi batizado assim.

Ah, para descontrair, abaixo seguem alguns nomes inusitados que encontramos por aí, só alguns porque a lista é gigante.

 

Se fose menina? como se chamaria?

Sugira nomes nos comentários.

 

Fonte: muraldoantena.com.br

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Jornalista DRT/MTB nº 4584/BA - Atualmente é editor dos sites Tudo é política e Página Simões Filho. Tem formação em contabilidade e experiência como Instrutor profissional nas áreas de designer gráfico e programação para web.

One comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *