56 anos de emancipação
Especiais

Pérolas de Louro Assis

Pérolas de Louro Assis 20 de setembro de 2011Leave a comment

Jornalista DRT/MTB nº 4584/BA - Atualmente é editor dos sites Tudo é política e Página Simões Filho. Tem formação em contabilidade e experiência como Instrutor profissional nas áreas de designer gráfico e programação para web.

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

POLÍTICA COM VATAPÁ: O favorito

Ano 1995. Walter Pinheiro, hoje senador, então vereador em Salvador, viajou para Portugal em missão oficial. Lá foi apresentado a um grupo de empresários. Quando citaram a Bahia, um deles se adiantou:
– Salvador, Terra de Osório Vilas-Boas?
– Conhece ele? É meu colega na Câmara.
– Claro! É ladrão! Um grande ladrão! Fez um contrato para o Bahia jogar aqui, tomou 50% adiantado e o Bahia não veio!
Voltou para Salvador, encontrou Osório:
– Osório, estive em Lisboa e lá encontrei um empresário do futebol…
Osório cortou a conversa com veemência:
– É ladrão! Contratou para o Bahia jogar lá e só mandou 50% do dinheiro!
Pinheiro ia saindo, alguém perguntou:
– E aí, quem tem a razão na sua opinião?
E Pinheiro:
– O português é favorito absoluto.

POLÍTICA COM VATAPÁ: Lomanto e as cruzes

Conta o ex-deputado Pedro Alcântara que Lomanto Júnior, quando governador (1963 a 1967) tanto trabalhou por Juazeiro que virou uma espécie de condestável na cidade.
Em meados dos anos 90, foi a Juazeiro para a inauguração da agência local do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar). Como sempre, muito festejado, encontrou a Praça da Igreja, local da solenidade, lotada.
Começou a discursar emocionado:
– É com muita alegria que aqui estou, Juazeiro! Esta terra de tantos amigos! Do meu amigo Arnaldo Vieira do nascimento (ex-prefeito), hoje no céu! Do meu amigo Zé das Caçambas, também no céu!…
Deu uma paradinha, olhou para alguém que estava atrás, perguntou baixinho:
– Me diga uma coisa: o Joca Oliveira (ex-prefeito) ainda é vivo?
E o interlocutor:
– Qual é, Lomanto? Joca Oliveira sou eu!
E Lomanto:
Desculpe, Joca. É que eu olho para trás e só vejo cruzes…

Aviso a Lomanto: Joca Oliveira está mais para anjo do que diabo, mas também foge da Cruz. Continua vivinho. Mora em Salvador.

O jornalista Levi Vasconcelos, na sua coluna Tempo Presente do jornal A Tarde sempre está a nos trazer “pérolas” que por considerarmos interessantes e até hilárias as transcrevemos, principalmente as da seção política com vatapá que são publicadas aos sábados e domingos, conforme as acima transcritas.

No texto referente às peripécias de Osório Vilas Boas, achamos que é recomendável aos jovens torcedores do Bahia, que leiam o livro Osório Futebol e Catimba de autoria do mesmo, pois ali encontrarão várias pérolas tal qual a do jornal A Tarde.
Quanto às cruzes do ex-governador Lomanto Júnior, que não deixa de ser um fato hilário, faz-me lembrar um episódio acontecido na cidade de Castro Alves. Em uma campanha política, um determinado candidato a vereador subiu ao palanque para usar a palavra e “desceu a ripa” na administração local, cujo prefeito fazia parte do mesmo grupo político que o candidato. Quando o mesmo foi advertido pelos correligionários, saiu com essa: porque vocês não me avisaram antes?

São coisas do nosso anedatório político deste Brasil varonil.

Até breve !!!

 

Fonte: blogdolouroassins.blogspot.com

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Jornalista DRT/MTB nº 4584/BA - Atualmente é editor dos sites Tudo é política e Página Simões Filho. Tem formação em contabilidade e experiência como Instrutor profissional nas áreas de designer gráfico e programação para web.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *