56 anos de emancipação
CIDADES

Bahia tem 72 cidades em situação de emergência por conta da seca

Bahia tem 72 cidades em situação de emergência por conta da seca 23 de setembro de 2011Leave a comment

Jornalista DRT/MTB nº 4584/BA - Atualmente é editor dos sites Tudo é política e Página Simões Filho. Tem formação em contabilidade e experiência como Instrutor profissional nas áreas de designer gráfico e programação para web.

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Dez municípios pediram apoio ao governo nos últimos oito dias.
Na região oeste, há registro de 150 dias consecutivos sem chuva.

Do G1 BA

Seca castiga interior da Bahia (Foto: Reprodução/ TVBA)Bahia tem em média mais de 200 cidades em situação de emergência todos os anos
(Foto: Reprodução/ TVBA)

A estiagem no semiárido baiano até esta sexta-feira (23) já fez 72 cidades decretarem estado de emergência, informa a Coordenaria Estadual de Defesa Civil (Cedec), órgão vinculado à Secretaria de Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza (Sedes). Nos últimos oito dias, dez cidades solicitaram ajuda emergencial para o estado, segundo o coordenador adjunto Paulo Sérgio Luz, do Cedec. A Bahia chega a ter média de mais de 200 cidades com situação de emergência todos os anos.

Atualmente, a Cedec aponta o entorno de Vitória da Conquista, no sudoeste baiano, formado por 27 cidades, como uma das regiões mais afetadas pela estiagem nesse período do ano. Porém, a região oeste também é preocupante, segundo a Cedec, devido aos 150 dias consecutivos sem chuva. “A baixa umidade do ar nesses locais também tem causado incêndios florestais”, indica o coordenador.

Seca castiga interior da Bahia (Foto: Reprodução/ TVBA)Entorno de Vitória da Conquista é uma das regiões
mais afetadas (Foto: Reprodução/ TVBA)

“Geralmente, começa a afetar a zona rural do município, levar à perda parcial ou total da plantação de feijão, milho e mandioca, por exemplo. Também tem as secas das pastagens, o gado começa a morrer e isso afeta diretamente a economia”, relata Sérgio Luz. “Nisso, falta água também para consumo humano, seca as cisternas, os riachos e o município perde a capacidade de sozinho atender à demanda da população”, descreve.

O estado apoia as localidades impactadas pela estiagem com construção de cisternas emergenciais e convênio com carros pipa, além da execução do programa Água Para Todos, do Governo Federal.

No norte do estado, embora só tenha chovido até julho, a situação não é considerada crítica. “No sul, é o contrário, temos situações de inundações e alagamentos devido às chuvas”, explica Luz.

Seca gera incêndios no interior da Bahia (Foto: Reprodução/ TVBA)Incêndio foi contido com ajuda do Corpo dos
Bombeiros (Foto: Reprodução/ TVBA)

Fogo

Na tarde de quinta-feira (22), um incêndio atingiu uma parte da área da Serra do Peri Peri, no bairro Bruno Bacelar, em Vitória da Conquista. Ainda não há informação do que teria causado o fogo. A área tem pés de eucalipto e abrange cerca de três hectares.

A Defesa Civil usou um caminhão pipa, mas foi preciso uma equipe de reforço do Corpo de Bombeiros para conter o incêndio. Os bombeiros entraram na mata usando mochilas com capacidade para 20 litros de água cada. As chamas já foram controladas.

 

Fonte: g1bahia

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Jornalista DRT/MTB nº 4584/BA - Atualmente é editor dos sites Tudo é política e Página Simões Filho. Tem formação em contabilidade e experiência como Instrutor profissional nas áreas de designer gráfico e programação para web.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *