Conecte conosco

Especiais

[ ANDRÉ LUIZ ] Em carta aberta aos Simoesfilhenses, ele pergunta: O que acontece com Simões Filho?

Publicado

em

MW Auto Peças 40 Anos

Nosso editorial estará mostrado para questionar “O que acontece com Simões Filho ”. Um tema de grande importância para a nossa cidade, uma vez que está claro e aos olhos de todos, que estamos estagnados e, perdendo terreno para municípios até então menores que o nosso.
Não adianta querer tapar o sol com a peneira, pois todos estão sentindo esta estagnação, a falta de incentivo, a falta de interesse das próprias autoridades para buscar soluções para Simões Filho e, consequentemente encontrando aí as razões para os nossos problemas. Diante de todos esses problemas, de tantos descalabros, Simões Filho está passando por uma fase de descrédito na região.
Não precisa ser um especialista para admitir que quando um setor não vai bem numa comunidade, todos os demais acabam sendo feridos e penalizados por algumas razões. E não está sendo diferente em  Simões Filho. Temos o compromisso de tentar reverter esse quadro o mais rápido possível, mas até agora ninguém está se movendo para mostrar preocupações. Ninguém é prefeito e ninguém é vereador. “Estão” prefeitos  e “estão” vereadores.

 

Enquanto isso somos sempre simoesfilhense e carregamos nas costas a todo sacrifício, os danos de ações praticadas por quem nos convenceram que nos representariam e colocariam nossos anseios acima de quaisquer interesses. Será que realmente isto está acontecendo em Simões Filho? Será que não está na hora de juntarmos cacos e procurar restaurar o nosso crescimento, e bater no peito e dizer; Sou simoesfilhense! Moro em Simões Filho com muita alegria !

Quando isso acontecerá vereadores, Prefeito Lideranças, oposição ? O Povo de Simões Filho clama no deserto!

Outros municípios da região com menor arrecadação que Simões Filho estão seguindo o caminho do desenvolvimento. E nós, como ficamos? Cadê o nosso SAC,Faculdade,Rodoviária digna,incentivo para os jovens, Desenvolvimento social, educação de qualidade ?

Há muito tempo deveríamos ter adotado o mesmo sistema de trabalho administrativo que Camaçari e, estaríamos em patamar diferente da realidade atual. Em Simões Filho o que mais existe são lideranças políticas famintas, como gato olhando para o rato, alem de políticos que tem  desprezos pelas coisas públicas.

Aqui na nossa querida cidade que parece mais um pequeno bairro da capital baiana, aconteceu alguma coisa, correm a todo vapor, unindo todas as forças políticas e vão buscar soluções.

 (“como eu queria que isso fosse verdade, e você ?”)

Queremos sim, que nossos representantes entendam que não foram eleitos para faz política de grupo, mas sim da comunidade, pois caso não haja interdependência entre os poderes, estaremos sempre na mesma situação.

A população tem que acordar, e cobrar o que nos prometeram em campanhas. No ano que vem tem eleições e mais que nunca é o momento de se dar um basta a tudo isso, pois os nossos próximos representantes, vão encontrar dificuldades para recompor nossa economia, nosso crescimento e acima de tudo o nosso sonho de ter um município digno dos anseios da população.

 

O que acontece com Simões Filho?

Transportes e Trânsito

ATENÇÃO EMPRESÁRIO! ESCOLHA LOGO O MELHOR PONTO. PROJETO APROVADO NA CÂMARA VIABILIZA BONS LOCAIS DE PROPAGANDA POR TODA A CIDADE

O projeto é de autoria do vereador Wilton Ramos – Itus

Publicado

em

NOTÍCIAS DE SIMÕES FILHO - projeto adote um ponto de ônibus em simões filho

Trata-se de um projeto que visa disponibilizar para a população, pontos de ônibus mais confortáveis e com manutenção constante.

Leia mais sobre

O projeto Adote um Ponto de ônibus prevê parcerias com empresas locais para que as mesmas possam se responsabilizar pela manutenção dos equipamentos e em contra partida, os espaços publicitários do mesmo serão explorados pela empresa parceira, divulgando suas marcas e campanhas publicitárias.

O projeto foi aprovado por unanimidade pela câmara municipal e aguarda decisão do prefeito Dinha para que possa ser posto em prática.

Veja o que disse o autor do projeto, logo após sua aprovação:

Continuar Lendo

Dinheiro & Negócios

Gás de cozinha fica mais caro a partir desta segunda em toda Bahia

Botijão de 13kg podem custar até R$ 110 na capital baiana com o novo reajuste

Publicado

em

O preço do gás de cozinha, tecnicamente chamado de GLP (Gás Liquefeito de Petróleo), terá reajuste de 5,9% a partir desta segunda-feira (14). O reajuste parte da Petrobras, que justificou o aumento em função do reflexo do mercado internacional.

Este não é o primeiro reajuste do gás de cozinha no ano. Em janeiro, a Petrobras elevou o preço em 6%. Em fevereiro, a alta foi de 5,1%. Em março, um novo reajuste médio de R$ 0,15 por quilo foi anunciado. Em abril, o aumento foi de 5%.

Desde quando mudou sua política de preços, em julho de 2017, a empresa ajusta os preços dos combustíveis com base nos valores praticados internacionalmente, cotado em dólar, mesmo para o consumo interno. O preço do botijão de gás em Salvador varia entre R$80 e R$102. Com o reajuste, os valores podem chegar até mais de R$ 110. 

Com informações do Tudo é Política.

Continuar Lendo

Saúde

FAMÍLIAS DE BAIXA RENDA DEVERÃO RECEBER KITs DE HIGIENE PESSOAL. PROJETO É DO VEREADOR ROBERTO SOUZA

Publicado

em

FAMÍLIAS DE BAIXA RENDA RECEBERÃO KIT DE HIGIENE PESSOAL

Na 11ª Sessão Ordinária, realizada na última terça (8), foi aprovada por unanimidade a indicação de nº 084/2021, de autoria do vereador Roberto Souza (PODE), que solicita ao Poder Executivo a disponibilização de kits de higiene pessoal, contendo escova de dente, creme dental, fio dental, sabonete, sachês de shampoo e condicionador, absorvente, desodorante, álcool em gel e máscaras de proteção para as famílias de baixa renda.

A justificativa cita a importância de proporcionar o bem-estar e auxiliar no combate à COVID e outras doenças. Durante a discussão da matéria, o parlamentar explicou que indicação surgiu após assistir a uma reportagem.

“A reportagem mostrava que uma diretora de colégio percebeu que várias alunas faltavam às aulas sempre no mesmo período do mês. Eram meninas carentes e pobres que não tinham condições de comprar seus absorventes. Então elas deixavam de frequentar a escola por esse motivo. Isso me entristeceu muito, pois em pleno século XXI as pessoas não têm condições do básico… Acho que é importante termos alimentação, mas também é essencial termos a higiene pessoal. Então seria interessante a prefeitura investir também na prevenção. Quando você previne, você gasta menos”, disse o edil.

O vereador comentou ainda que a indicação é de suma importância para que meninas não deixem de frequentar a escola por não terem absorvente. “Precisamos dar atenção a essas crianças, então que esses kits sejam distribuídos nas escolas e nos postos de saúde”, concluiu.

Continuar Lendo
P U B L I C I D A D E

AS MAIS LIDAS DA SEMANA