Conecte conosco

Brasil

Às vésperas de conferência do clima da ONU, Bolsonaro publica pacote ambiental

Especialistas consideram as medidas como uma tentativa de vender uma imagem mais positiva do Brasil no evento, após sucessivas crises ambientais

Publicado

em

Metro1 – Às vésperas do início da Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas (COP-25), o governo Jair Bolsonaro publicou um pacote de decretos na área ambiental, incluindo um que cria uma comissão para controle de desmatamento ilegal. As medidas foram publicadas no Diário Oficial da União (DOU) de ontem (29) e são vistas por especialistas como uma tentativa de vender uma imagem mais positiva do Brasil no evento, após as sucessivas crises ambientais.

O decreto que trata de desmatamento ilegal fala em “propor planos e diretrizes e articular e integrar ações estratégicas para prevenção e controle do desmatamento ilegal e recuperação da vegetação nativa nos biomas”. O texto também estabelece a coordenação e monitoramento da implementação dos planos contra desmate, como o Plano de Ação para Prevenção e Controle do Desmatamento na Amazônia Legal (PPCDAM).

Um dos decretos reconstitui uma comissão destinada a tratar de REDD + (Redução das Emissões de gases provenientes do Desmatamento e da Degradação Florestal), um mecanismo que pode auxiliar o país a atrair verbas estrangeiras. O colegiado foi extinto pelo governo em abril.

As medidas foram editadas no momento em que o presidente Jair Bolsonaro voltou a acusar, sem provas, ONGs pelos incêndios na Amazônia. Em transmissão ao vivo nas redes sociais, chegou a dizer que o ator Leonardo DiCaprio deu “dinheiro para tacar fogo na Amazônia”.

P U B L I C I D A D E