Conecte conosco

Polícia

BOLSONARISTA ASSASSINO DE MÔA DO KATENDÊ É CONDENADO A 22 ANOS

Publicado

em

Paulo Sergio Ferreira de Sant’ana foi condenado nesta quinta-feira (21) a 22 anos e 1 mês de prisão por homicídio doloso contra mestre Môa do Katendê e pela tentativa de homicídio por motivo fútil pela facada no irmão de Môa, Germinio do Amor Divino.

Môa do Katendê

O assassinato aconteceu em outubro do ano passado.

O júri popular aconteceu no Fórum Ruy Barbosa, em Salvador, um dia depois da data em que se comemora a Consciência Negra no Brasil.

A sessão durou cerca de 10 horas, com falas da promotoria e da defesa.

Os advogados da acusação argumentaram que testemunhas relataram que Paulo Sérgio “saiu calmamente” do bar em que o crime aconteceu, o que provaria que houve premeditação (veja aqui).