Conecte conosco

Brasil

Desemprego sobe para 13,3% em junho e Brasil tem nova queda recorde no número de ocupados

Segundo o IBGE, foram 8,9 milhões de postos de trabalho a menos, na comparação com o trimestre anterior

Publicado

em

Metro1 – A taxa oficial de desemprego no Brasil subiu para 13,3% no trimestre encerrado em junho, atingindo 12,8 milhões de pessoas, segundo dados divulgados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua Mensal (PNAD Contínua), divulgada hoje (6) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em relação ao trimestre anterior, foram fechados 8,9 milhões de postos de trabalho.

O resultado representa uma alta de 1,1 ponto porcentual na comparação com o trimestre encerrado em março (12,2%) e de 1,3 ponto porcentual em relação ao mesmo trimestre de 2019 (12%). É a maior taxa de desemprego desde o trimestre terminado em maio de 2017, quando o índice também ficou em 13,3%.

Os dados ainda apontam uma redução recorde de 9,6% no número de pessoas ocupadas no Brasil. O índice superou o registrado no trimestre encerrado em maio, quando a queda foi de 8,3%.

Mesmo com a alta na taxa de desemprego, o número de desempregados apresentou estabilidade na comparação com o trimestre de janeiro a março de 2020 (12,9 milhões de pessoas) e também com o mesmo trimestre do ano anterior (12,8 milhões de pessoas).

P U B L I C I D A D E