Conecte conosco

Saúde

Governo da Bahia inaugura serviços de tomografia em mais dois hospitais na capital

Publicado

em

Governo da Bahia inaugura serviços de tomografia em mais dois hospitais na capital
 

A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) inaugura amanhã (8) e quarta-feira (9), em Salvador, os serviços de tomografia computadorizada dos hospitais Manoel Victorino e Eládio Lassére. A novidade possibilitará ampliar o volume de cirurgias, e garantir maior precisão no diagnóstico, evitando ainda que pacientes sejam transferidos para outras unidades a fim de realizar exames de alta complexidade.

De acordo com o secretário da Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, “esses são os primeiros equipamentos de tomografia das duas unidades hospitalares, todos com 16 detectores, que proporcionarão exames rápidos e com alta resolução. É possível fazer reconstruções em múltiplos planos, inclusive, 3D, ajudando o médico na tomada de decisão e na realização de cirurgias”, explica Vilas-Boas, ao pontuar ainda que o investimento entre obras e equipamentos foi superior a R$ 3,3 milhões.

Para o paciente, a tecnologia representa rapidez e segurança nos resultados, menores doses de radiação e menos tempo de internação. Como os equipamentos possuem uma capacidade superior a 1.200 exames por mês, facilitará a programação cirúrgica dos pacientes, sobretudo de ortopedia. “A rapidez na aquisição das imagens nos permite melhor caracterização no padrão de vascularização das estruturas viscerais assim como vasculares, proporcionando maior segurança no diagnóstico e manejo cirúrgico”, afirma a médica radiologista do Hospital Manoel Victorino, Sirlene Borges, ao lembrar ainda que é possível realizar exames de angiotomografia.

Histórico de investimentos

 A implantação e renovação do parque de imagem dos hospitais estaduais na Bahia ocorre de modo acelerado. Já foram investidos mais de R$ 120 milhões em obras e na aquisição de equipamentos de ressonância magnética, tomógrafos, raios-x e mamógrafos, por meio da Parceria Público-Privada (PPP) de Imagem. Outro número expressivo é o de exames, que já supera a casa de 1 milhão, desde o início da implantação em 2016.

Com atuação em 11 unidades estaduais, a Rede Brasileira de Diagnóstico (RBD) e o Governo da Bahia, que formam a Parceria Público-Privada (PPP) de Imagem, ampliaram a capacidade de atendimento à população, reduziram custos e promoveram melhorias nos serviços prestados. Os resultados são expressivos e a população é a principal beneficiada, visto que os exames de ambulatório são laudados no máximo em 48 horas, enquanto os exames de urgência e emergência, em uma hora, sendo o tempo máximo admitido de duas horas. Isso é mais ágil que qualquer clínica ou hospital privado.

Atualmente são 15 ressonâncias públicas no Estado, sendo sete da PPP, outras sete instaladas em policlínicas e uma no Hospital Ana Nery.. Nos próximos seis meses, outras quatro ressonâncias entrarão em operação com a inauguração de novas policlínicas. Além disso, o melhor tomógrafo do Norte-Nordeste está instalado no Hospital Geral Roberto Santos (HGRS), com 256 detectores. Também são feitas ressonância e tomografia cardíaca, angiotomografia e angioressonância.

SERVIÇO:

O quê: inauguração dos serviços de tomografia computadorizada dos hospitais Manoel Victorino e Professor Eládio Lassérre

Quando: 08/01 (Manoel Victorino) e 09/01 (Eládio Lassérre), ambos às 9h

Endereços: Praça Conselheiro Almeida Couto – Nazaré (Manoel Victorino)

Cajazeiras II, setor IV (Eládio Lassérre)

P U B L I C I D A D E
Clique aqui para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Saúde

Mais de 1900 pacientes foram atendidos pela Regulação durante o ano novo

Publicado

em

Mais de 1900 pacientes foram atendidos pela Regulação durante o ano novo

Com um total superior a 1900 atendimentos contabilizados durante as festas de final de ano, a Central Estadual de Regulação (CER) trabalhou de forma eficiente, na avaliação do secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas. “A rede funcionou bem e conseguimos regular esses pacientes para os hospitais”, afirmou o Secretário, acrescentando que está avaliando como aperfeiçoar ainda mais o funcionamento da Central de Regulação, para continuar reduzindo o número de pacientes acumulados ao longo dos anos. 

Ainda de acordo com Vilas-Boas, a meta é chegar a 500 pacientes em tela para serem regulados, e hoje já se chegou próximo a 1000 pacientes. Um dos fatores decisivos para a evolução do trabalho da CER é a expansão de rede de atendimento. Durante o ano passado, foram implantados mais de 1.000 novos leitos hospitalares na Bahia, distribuídos em forma de rede direta, indireta e por meio de contratos. 

Outra ação que tem contribuído para a evolução do trabalho da CER é a ‘desospitalização’ de pacientes crônicos, como estratégia para que se disponibilizem mais leitos para a população baiana. Com a implantação de leitos para a internação em domicílio, já foram retirados mais de 700 pacientes dos hospitais, para que continuem seu tratamento em casa.

Em 2018, até o mês de dezembro, a Central Estadual de Regulação (CER) registrou mais de 180 mil  solicitações atendidas, número maior que o computado em todo ano de 2017. Esse resultado só pode ser alcançado graças aos investimentos que tem sido feito pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) na estrutura da CER e também na expansão da rede de assistência. 

De acordo com o secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas, os problemas foram levantados e estão sendo resolvidos. “Identificamos falta de informatização na CER e nas unidades hospitalares, falta de recursos humanos, dentre outros problemas. Para cada questão, fizemos um plano de trabalho e estamos conseguindo resolver”, afirmou o Secretário. Segundo com Fábio Vilas-Boas, a CER já consegue hoje atender 100% da demanda diária da rede. “Ainda existe um passivo e estamos desenvolvendo ações para que seja resolvido”, esclarece.

A diretora de Regulação, Rita de Cássia, explica que uma das funções da regulação é a ordenação e qualificação dos fluxos de acesso às ações e serviços de saúde, de modo a otimizar a utilização dos recursos assistenciais disponíveis e promover a transparência, a integralidade e a equidade no acesso às ações e aos serviços, em tempo oportuno, dispondo, para tal, entre outros instrumentos, de diretrizes operacionais e protocolos.

Continuar Lendo

CIDADES

Aedes aegypti: cuidados devem ser redobrados no período do verão por conta das chuvas 

Publicado

em

Com o verão se aproximando e as chuvas frequentes, o que faz aumentar o calor, o ambiente se torna mais propício para o aumento do mosquito Aedes aegypti, agente transmissor da dengue, chikungunya e zika vírus. É recomendado à população para não descuidar da prevenção.

 

A gerente de Zoonoses, Camila Borges destaca a importância da limpeza dos quintais, não facilitando recipientes que possam acumular água.

 

Camila relata que, cerca de 80% dos focos do mosquito são encontrados dentro das casas, especialmente nos quintais. “É imprescindível o cuidado constante da população, durante todo o ano. A persistência das pessoas em manter produtos imprestáveis é um problema cultural e também precisa ser verificado. Lembrando que a melhor maneira de prevenir a dengue é impedir que o mosquito se prolifere.”

 

São quatro tipos de vírus que podem ser transmitidos pelo mesmo mosquito e, se não houver cuidados, uma pessoa pode adoecer mais de uma vez e contrair a forma mais grave da doença. A fêmea do aedes aegypti deposita seus ovos em recipientes que contém água acumulada, entre 2 a 3 dias depois os ovos transformam-se em larvas. O ciclo completo até virar mosquito adulto dura de 30 a 45 dias de vida.

 

Os ovos são praticamente imperceptíveis a olho nu e podem suportar até um ano e meio sem água, aguardando um descuido ou uma chuva para evoluírem para larvas e, posteriormente, para mosquitos.

 

Veja algumas medidas para afastar o risco da dengue das residências:

 

Retirar a água dos vasos de plantas e flores com água e colocar a planta em vaso com terra;

Retirar ou virar ao contrário os pratos de vasos. Outra alternativa é colocar areia grossa ou furar o recipiente;

Recolher em saco plástico qualquer tampinha, lata ou embalagens;

Garrafas, baldes e vasos vazios: cobrir e colocar em local protegido da chuva;

Bebedouro de animais domésticos: lavar com esponja e sabão pelo menos duas vezes por semana. Guardar se for viajar;

Caixas d’água: verificar a tampa e trocar se estiver quebrada;

Ralos: devem permanecer sempre desentupidas e sem pontos de acúmulo de água;

Calhas: desentupir e limpar para a água correr livremente;

Piscinas: clorar a água e manter coberta quando não estiver em uso;

Entulhos de obras: cobrir e colocar em local coberto ou colocar no lixo reciclável.

 

Ações de combate à proliferação do mosquito

 

Durante todo o ano, a Gerência de Zoonoses realiza um intenso trabalho de combate à dengue com as visitas domiciliares dos agentes de combate às endemias.

Continuar Lendo

Saúde

Simões Filho: Equipe da UPA participa de capacitação

Publicado

em

Simões Filho: Equipe da UPA participa de capacitação

Profissionais de saúde da Unidade de Pronto Atendimento (UPA), do CIA 1, Simões Filho, Região Metropolitana de Salvador (RMS), participaram, nesta quarta-feira (14), da primeira etapa, da capacitação sobre Tuberculose e Hanseníase.

A ação foi promovida pela direção de enfermagem da unidade com o objetivo de aprimorar os conhecimentos da equipe sobre a prevenção, promoção, cuidado e recuperação de pacientes.

“Essa é mais uma ação que visa capacitar e ampliar os conhecimentos específicos da nossa equipe, além de funcionar como um mecanismo de aproximação e alinhamento da rotina e das práticas de humanização”, pontuou Marilian Fernandes, diretora de Enfermagem.

A capacitação faz parte do Programa de Educação Continuada, da unidade de saúde, que proporciona palestras bimestralmente para os profissionais. Participaram do encontro, a equipe técnica, além da Secretária de Saúde, Bethânia Pinto.

Continuar Lendo

Saúde

VEREADOR DEL PROPÕE DIA MUNICIPAL DE COMBATE À DOENÇAS RENAIS

Publicado

em

Simões Filho tem um grande número de pacientes renais que, dia sim dia não, precisam passar pela tortura da hemodiálise.

Já passou da hora de se implantar um centro de hemodiálise para atender a grande demanda de pacientes do município.

Na sessão da câmara de vereadores desta terça-feira(18), o vereador Delvaldo [DEL] apresentou um projeto que cria O DIA DE PREVENÇÃO E COMBATE À DOENÇAS RENAIS.

O prjeto foi aprovado por unanimidade e de acordo com o mesmo, a data escolhida é o dia 9 de março.
Projeto será encaminhado para o executivo sanção do prefeito Dinha.

Em tempo;

A cidade baiana de Ribeira do Pombal, com cerca de 55 mil habitantes tem um centro de hemodiálise e atende pacientes de diversos municípios da região.

Continuar Lendo

Saúde

SAÚDE: PROFISSIONAL SIMÕESLILHENSE SERÁ SECRETÁRIA DE SAÚDE EM SÃO PAULO

Publicado

em

Do Tabuleiro – Depois de realizar consultorias técnicas na área de saúde em cidades do interior de São Paulo, a ex-secretária de saúde de Ilhéus, Elisângela Oliveira, foi convidada pelo prefeito de Jandira-SP, Paulo Barufi, para assumir a saúde do município.

Elisângela foi secretária em Ilhéus por pouco mais de um ano, deixando o cargo no mês de julho de 2018, e durante este período problemas como cobertura da atenção básica abaixo dos 18%; falta de atualização de dados junto ao Ministério da Saúde; bloqueio de programas, a exemplo do “Mais Médicos”; falta de habilitação do SAMU 192; “várias irregularidades oriundas do Conselho Municipal de Saúde” e licitações ‘travadas’, foram solucionados.

Os avanços foram feitos e as situações descritas foram revertidas. Além disso, a organização da habilitação de cirurgias bariátricas para Ilhéus e melhoria do fluxo depois do fechamento do Hospital Luís Viana Filho, participando do projeto da futura maternidade infantil.

A redação de O Tabuleiro apurou que Elisângela deve ser nomeada até o final deste mês.

Continuar Lendo

Saúde

REGULAÇÃO REGULA DEBATES NA SESSÃO

Publicado

em

Se tem um assunto que dá pano pra manga, é a tal regulação da Saúde.

Um prato cheio para oposição ao governador Rui Costa e aos irmãos médicos, Eduardo e Otto Alencar.

Em Simões Filho, na sessão da Câmara de ontem, 28 de agosto, o tema foi o mais explorado pelos Edis.

Nitidamente, apesar dos esforços do vereador Sandro Moreira, o assunto tem gerado forte impacto na campanha do ex-prefeito Eduardo Alencar para deputado estadual pelo município, a qual tem o sugestivo slogan: MAIS SAÚDE PARA A BAHIA.

O problema é que não existe uma ideia, proposta, pitaco, palpite ou qualquer coisa parecida, para substituir a apelidada “FILA DA MORTE“.

Continuar Lendo

AS MAIS LIDAS DA SEMANA

Copyright © 2017 Página Simões Filho