Conecte conosco

Especiais

Lista Suja do trabalho escravo tem 11 fazendas da Bahia

Publicado

em

MW Auto Peças 40 Anos

A lista atualizada do Ministério do Trabalho apresentou número recorde.

Mais de 120 anos depois do fim oficial da escravidão no Brasil, 11 propriedades rurais da Bahia foram enquadradas na chamada Lista Suja do trabalho escravo, elaborada a cada seis pelo Ministério do Trabalho e Emprego. Os nomes das responsáveis com os respectivos dados do CNPJ/CPF/CEI foram divulgados nesta quinta-feira (5) no site institucional do Ministério. As fazendas ficam localizadas nos municípios de Formoso do Rio Preto, Santa Rita de Cássia, Tanguá, Correntina, São Desidério, Barreiras, Jaborandi e Sebastião Laranjeiras.

Em todo o Brasil, foram registradas 294 propriedades, número que superou todos os recordes desde 2004, quando a lista foi criada. O levantamento serve como um ferramenta para para coibir a prática da escravidão no país. Com o relatório, todas os proprietários ficam  impedidos de obter empréstimos em bancos oficiais e passam a fazer parte da lista das empresas da cadeia produtiva do trabalho escravo. Além disso, os dados são usados por indústrias, pelo varejo e por exportadores para a aplicação de restrições e para impedir a comercialização dos produtos oriundos destes lugares.

“Nunca tivemos tantos empregadores irregulares ao mesmo tempo. Isso porque também estamos atuando  no trabalho escravo urbano, uma vez que há empregadores infratores também nesse meio. Nosso compromisso em 2012 é intensificar a atuação nessa área”, afirmou Alexandre Rodrigo Teixeira da Cunha Lyra, o chefe da Divisão de Fiscalização para Erradicação do Trabalho Escravo do MTE (Detrae).

As novas inclusões foram efetuadas com base em pesquisas realizadas no Sistema de Acompanhamento de Combate ao Trabalho Escravo (SISACTE), nas consultas no Controle de Processos de Multas e de Recursos (CPMR) e no Setor de Multas e Recursos (SEMUR) das Superintendências Regionais do Trabalho e Emprego – (SRTE), além de consultas a banco de dados do governo federal, como o da Procuradoria da Fazenda Nacional. Os nomes ficam mantidos na lista por dois anos e só são removidos quando os empregadores cumprem as exigências feitas pelo Ministério. Uma vez que o proprietário pague os salários dos trabalhadores, o registro é automaticamente excluído.

Em 158 operação realizadas em 2011 pelo Grupo Especial de Fiscalização Móvel do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), foram resgatadas 2.271 pessoas encontradas em situação degradante de trabalho. De acordo com o Detrae, foram inspecionados 320 estabelecimento e já foram pagos mais de R$ 5,4 milhões em indenizações trabalhistas. De 1995 até 2011, 41.451 trabalhadores brasileiros foram resgatados em 1.240 operações.

 

Fonte : Ibahia.com.br

Transportes e Trânsito

ATENÇÃO EMPRESÁRIO! ESCOLHA LOGO O MELHOR PONTO. PROJETO APROVADO NA CÂMARA VIABILIZA BONS LOCAIS DE PROPAGANDA POR TODA A CIDADE

O projeto é de autoria do vereador Wilton Ramos – Itus

Publicado

em

NOTÍCIAS DE SIMÕES FILHO - projeto adote um ponto de ônibus em simões filho

Trata-se de um projeto que visa disponibilizar para a população, pontos de ônibus mais confortáveis e com manutenção constante.

Leia mais sobre

O projeto Adote um Ponto de ônibus prevê parcerias com empresas locais para que as mesmas possam se responsabilizar pela manutenção dos equipamentos e em contra partida, os espaços publicitários do mesmo serão explorados pela empresa parceira, divulgando suas marcas e campanhas publicitárias.

O projeto foi aprovado por unanimidade pela câmara municipal e aguarda decisão do prefeito Dinha para que possa ser posto em prática.

Veja o que disse o autor do projeto, logo após sua aprovação:

https://www.facebook.com/itus.ramos/videos/5717497438322344

Continuar Lendo

Dinheiro & Negócios

Gás de cozinha fica mais caro a partir desta segunda em toda Bahia

Botijão de 13kg podem custar até R$ 110 na capital baiana com o novo reajuste

Publicado

em

O preço do gás de cozinha, tecnicamente chamado de GLP (Gás Liquefeito de Petróleo), terá reajuste de 5,9% a partir desta segunda-feira (14). O reajuste parte da Petrobras, que justificou o aumento em função do reflexo do mercado internacional.

Este não é o primeiro reajuste do gás de cozinha no ano. Em janeiro, a Petrobras elevou o preço em 6%. Em fevereiro, a alta foi de 5,1%. Em março, um novo reajuste médio de R$ 0,15 por quilo foi anunciado. Em abril, o aumento foi de 5%.

Desde quando mudou sua política de preços, em julho de 2017, a empresa ajusta os preços dos combustíveis com base nos valores praticados internacionalmente, cotado em dólar, mesmo para o consumo interno. O preço do botijão de gás em Salvador varia entre R$80 e R$102. Com o reajuste, os valores podem chegar até mais de R$ 110. 

Com informações do Tudo é Política.

Continuar Lendo

Saúde

FAMÍLIAS DE BAIXA RENDA DEVERÃO RECEBER KITs DE HIGIENE PESSOAL. PROJETO É DO VEREADOR ROBERTO SOUZA

Publicado

em

FAMÍLIAS DE BAIXA RENDA RECEBERÃO KIT DE HIGIENE PESSOAL

Na 11ª Sessão Ordinária, realizada na última terça (8), foi aprovada por unanimidade a indicação de nº 084/2021, de autoria do vereador Roberto Souza (PODE), que solicita ao Poder Executivo a disponibilização de kits de higiene pessoal, contendo escova de dente, creme dental, fio dental, sabonete, sachês de shampoo e condicionador, absorvente, desodorante, álcool em gel e máscaras de proteção para as famílias de baixa renda.

A justificativa cita a importância de proporcionar o bem-estar e auxiliar no combate à COVID e outras doenças. Durante a discussão da matéria, o parlamentar explicou que indicação surgiu após assistir a uma reportagem.

“A reportagem mostrava que uma diretora de colégio percebeu que várias alunas faltavam às aulas sempre no mesmo período do mês. Eram meninas carentes e pobres que não tinham condições de comprar seus absorventes. Então elas deixavam de frequentar a escola por esse motivo. Isso me entristeceu muito, pois em pleno século XXI as pessoas não têm condições do básico… Acho que é importante termos alimentação, mas também é essencial termos a higiene pessoal. Então seria interessante a prefeitura investir também na prevenção. Quando você previne, você gasta menos”, disse o edil.

O vereador comentou ainda que a indicação é de suma importância para que meninas não deixem de frequentar a escola por não terem absorvente. “Precisamos dar atenção a essas crianças, então que esses kits sejam distribuídos nas escolas e nos postos de saúde”, concluiu.

Continuar Lendo
P U B L I C I D A D E

AS MAIS LIDAS DA SEMANA