Conecte conosco

MUNDO

MORRE AOS 74 ANOS, EDWIN HOWHINS, AUTOR DE ‘Oh, Happy Day’

Publicado

em

edwin-howkins
56 anos de emancipação

Do El Pais – O cantor de música gospel Edwin Hawkins, famoso por sua versão da canção Oh, Happy Day, morreu aos 74 anos em decorrência de um câncer de pâncreas, informou seu agente, Bill Carpenter, à imprensa dos EUA.

Hawkins, um dos fundadores do gospel moderno, morreu nesta segunda-feira, 15 de janeiro, na sua casa, na Califórnia.

A música com a qual se tornou famoso, Oh, Happy Day, é um hino do século XVIII que Hawkins arranjou segundo o estilo chamado call and response, no qual a canção se compõe de fragmentos de duas partes, sendo que a segunda é uma resposta à primeira.

O single do grupo Edwin Hawkins Singers que continha essa nova versão, lançado em 1969, fez muito sucesso. Um ano mais tarde, o grupo foi premiado com o Grammy de melhor interpretação de gospel por essa canção. As vendas alcançaram os sete milhões de cópias, segundo os dados citados por Carpenter ao The New York Times.

Ao longo de sua carreira, Edwin Hawkins ganhou quatro Grammys. Oh, Happy Day foi gravada por Glenn Campbell e Elvis Presley, e também apareceu no filme Mudança de Hábito, protagonizado por Whoopi Goldberg.

 

Jornalista DRT/MTB nº 4584/BA - Atualmente é editor dos sites Tudo é política e Página Simões Filho. Tem formação em contabilidade e experiência como Instrutor profissional nas áreas de designer gráfico e programação para web.

Continuar Lendo
P U B L I C I D A D E

MUNDO

Congressistas declaram China ‘o maior desafio’ para segurança e valores dos EUA

Publicado

em

Americanos
56 anos de emancipação

Agência Sputnik – Comitê de Inteligência da Câmara dos Representantes dos EUA, na reunião de 17 de maio, se referiu à China como “o maior desafio de segurança nacional”, comunicando que em breve começará uma investigação importante sobre a influência de Pequim.

Esta decisão representa uma mudança do recente foco estadunidense na “interferência” da Rússia, centrando a atenção em outra potência emergente, a China. informa o portal The Washington Free Beacon.

“A China só há pouco se fortaleceu e agora representa o maior desafio para a segurança dos Estados Unidos, nossa economia e valores”, anunciou o representante Devin Nunes.

Neste sentido, o Comitê realizará uma série de audições, tanto abertas como a portas fechadas, a fim de examinar as ameaças vindas da China no âmbito militar, econômico e industrial, na área tecnológica, bem como as operações de influência significativa de Pequim contra Washington, sublinharam os assessores do comitê.

“Estas audições são destinadas a prestar atenção a muitos desafios que a China apresenta à nossa segurança nacional através das suas agressivas exigências territoriais, política comercial desonesta, espionagem e ciberataques, bem como em outras esferas”, ressaltou Devin Nunes.

O representante se focou em especial na base militar chinesa em Djibuti, recentemente construída perto da maior base norte-americana em África. Segundo ele, a China está buscando investir nos portos e infraestrutura por todo o mundo não só para fins militares, mas também como um mecanismo para exercer influência e controle sobre os governos anfitriões.

Sob condições de anonimato, um assessor do comitê disse que as agências de inteligência dos EUA durante muito tempo “tinham os olhos fechados” quando se tratava da China, e avaliaram mal as atividades de Pequim”.

O exemplo disso, para ele, é a expansão das capacidades navais da China, que os EUA pensaram se limitar aos conflitos regionais, mas que cada vez mais têm um alcance global, adicionando que o principal não é onde a China está hoje em dia, mas para onde está se dirigindo.

Continuar Lendo

MUNDO

Casamento Real do príncipe Harry e Meghan Markle, assista ao vivo

Publicado

em

Casamento Real
56 anos de emancipação

Continuar Lendo

MUNDO

SÓ PENSA NAQUILO! FACEBOOK CENSURA FOTO DE FILHOTE POR SE PARECER COM UM PENIS

Publicado

em

56 anos de emancipação

Um filipino da cidade de Dávao, Dominic Ibaos, resolveu postar recentemente em seu Facebook uma foto de um dos filhotes da raça xoloitzcuintle, também conhecido como cachorro mexicano sem pelos, chamado Dimitri.

No entanto a imagem causou desconforto a alguns internautas que denunciaram a imagem, o que fez a administração da rede social retirá-la do ar por “violar os padrões da comunidade”. Os internautas estariam confundindo Dimitri com um “pênis”.

Abaixo, uma foto de um cão adulto da mesma raça:

 

Continuar Lendo

AS MAIS LIDAS DA SEMANA

Copyright © 2017 Página Simões Filho