How to Share With Just Friends

How to share with just friends.

Posted by Facebook on Friday, December 5, 2014
Conecte conosco

Colunistas

OPINIÃO: NOBRE EDIL, VOCÊ NÃO OFENDEU APENAS O DEPUTADO, VOCÊ DEU UM TAPA NA CARA DO POVO SIMÕSFILHENSE

Publicado

em

O que pensa um político quando para ofender o seu opositor alardeia acusações, sem apresentar provas, de que o mesmo está a comprar votos de pessoas ao custo de dez reais pelas ruas dos bairros pobres da cidade?

Sinceramente, não sei o que passa na cabeça de alguns senhores que se entranham em cargos eletivos e uma vez no poder, não querem mais tirar suas garras e agem como pessoas que podem tudo para impedir o exercício democrático do voto em período eleitoral?

Estamos vivendo tempos sombrios no país. A imprensa cerceada, racismo em alta, violência em nome de Deus…

É nesse clima que o bem estar da população, com discursão e elaboração de políticas públicas que beneficiem o povo é o que menos interessa.

O    que importa agora não é o povo e sim vencer as eleições.

Saibam, o povo é o dono do voto. Os políticos são empregados do povo. Merecem respeito.

Quando um político vai a uma tribuna e acusa seu opositor de estar comprando voto à dez reais, ele prova o desprezo que ele tem pelo seu eleitor.

Os eleitores destes políticos são avaliados desta forma e por este preço, dez reais.

Vamos por um momento imaginar que, se de fato, houvessem eleitores que estariam aceitando vender seus votos por valor tão baixo, não estariam vendendo seus votos por desespero?

Não estariam tais eleitores, disposto a tudo para se verem livres daqueles que os governam?

Não seria uma forma destes eleitores dizerem que não aceitam mais serem humilhados, intimidados, ameaçados a ponto de aceitar vender seus votos? E pior, por valor tão baixo?

Embora o nobre acusador tenha feito tais acusações, acredito que seja, na verdade, um ato falho que descortinou um medo incutido em suas angustias de que seu opositor saia vitorioso nas urnas nas próximas eleições e assim se acirre uma disputa que poderá ter consequência que muitos duvidam.

Nas urnas, como diz um amigo meu em tom de ironia e brincadeira, “haja o que hajar”, não importa! Mas ao povo é exigido de seus representantes, o mínimo de respeito.

Vereador, você deu um tapa na cara do seu eleitor ao afirmar que pode-se comprar o voto dele por dez reais.

Se pelo menos um dos seus eleitores tiver a devida atenção às suas palavras, já vai valer à pena ter escrito esse texto.

Se para você o voto do povo humilde de Simões Filho não vale mais que dez reais, estamos muito mal representados com vereadores de cotação tão baixa.

P U B L I C I D A D E