Conecte conosco

Especiais

Secretário de saúde cai no forró com sua mãe durante o Forró das Viúvas 2014

Publicado

em

ALFREDO DANÇANDONa segunda noite do São Pedro 2014 – Forró das Viúvas – sábado, dia 27, o secretário de saúde Dr Alfredo Assis, que estava acompanhado por sua mãe, Dona Dadá, não perdeu tempo. “puxou” sua matriarca, D Dadá, para dança um autêntico forró pé-de-serra, ao som da banda Mastruz Com Leite.

CapturarDona Dadá, uma guerreira de 82 anos de idade, mãe de 8 filhos todos formados médicos, dentista, administrador, ciência contábeis, fisioterapeuta, serviço social e pedagoga, fez aniversário no último dia 22 de junho, e mostrando uma disposição invejável, esteve presente no Forró das Viúvas, em Simões Filho, desde o primeiro dia, quando presenciou as apresentações das quadrilhas juninas sempre ao lado do seu filho, Dr Alfredo Assis que também marcou presença em todos os dias da festa. Entre uma atração e outra, Dr Alfredo fez questão de fiscalizar pessoalmente os trabalhos de sua equipe que atendia no posto médico, montado ao lado da Casa do Empreendedor-SEDEC.

Veja fotos:

[fbphotos id =”695591473824132″]

Jornalista DRT/MTB nº 4584/BA - Atualmente é editor dos sites Tudo é política e Página Simões Filho. Tem formação em contabilidade e experiência como Instrutor profissional nas áreas de designer gráfico e programação para web.

Continuar Lendo
P U B L I C I D A D E

Educação

Inscrições para a rede municipal em 2018 seguem até 29 de janeiro

Publicado

em

As inscrições para educação infantil, ensino fundamental e educação de jovens e adultos em escolas municipais de Simões Filho podem ser realizadas até dia 29 de janeiro. As transferências dos alunos da rede municipal iniciaram no dia 10 e vão até 19 janeiro e as matrículas dos novatos vão de 19 a 29 do mesmo mês. As aulas estão previstas para iniciar no início de março.

Para a matrícula, é necessário que estudantes maiores de idade, pais ou responsáveis compareçam às escolas, das 8h às 12h e das 13h às 16h, portando certidão de nascimento ou cédula de identidade do aluno, carteira de vacinação atualizada (exceto para candidatos a educação de jovens e adultos), RG dos pais e responsáveis, declaração de escolaridade e comprovante de residência no município atualizado.

Para os novatos, a efetivação da inscrição será feita mediante a apresentação da declaração de transferência ou do histórico escolar, caso já possua o documento.

O secretário de Educação, Manoelito Damasceno, orienta que os alunos sejam matriculados no bairro onde moram. “O ideal é que os estudantes procurem a unidade de ensino mais próxima, indo para outra localidade apenas se a escola não oferecer a etapa educacional. Os centros de ensino estão passando por adaptações para atender da melhor forma possível os educandos”, aconselha.

Continuar Lendo

MUNDO

MANIFESTANTES DESTROEM LOJA DE DEPARTAMENTO APÓS ANÚNCIO RACISTA

Publicado

em

TUDO É POLÍTICA – No início desta semana, o grupo de moda sueco H & M publicou um anúncio com um menino negro usando moletom que dizia “o macaco mais legal da selva”.

Os manifestantes do movimento sul-africano de Defensores da Liberdade Econômica (EFF) destruindo várias lojas da H & M na província de Gauteng, reagindo ao anúncio da empresa considerado racista.

De acordo com a polícia, os oficiais dispararam balas de borracha contra os manifestantes, que estavam derrubando o mostruário das lojas e jogando roupas no chão.

O porta-voz do EFF, Mbuyiseni Ndlozi, disse que as desculpas do grupo de moda sueco eram pouco e vieram muito tarde. “O tempo das desculpas pelo racismo acabou, deve haver consequências para o racismo, ponto final!” Ndlozi escreveu no Twitter.

A H & M pediu desculpas pelo polêmico anúncio. “Nossa posição é simples, erramos e estamos profundamente arrependidos”, disse o site do departamento sul-africano do grupo.

Agência Sputinik

Continuar Lendo

MUNDO

“Lo picareta soy yo”

Publicado

em

É um caso de estudo psicológico.

A histeria leva pessoas a papéis que são dramaticamente idiotas e que tem o poder de contaminar outros, cujo funcionamento do cérebro está prejudicado pelo embotamento que o ódio lhes traz.

O tal Jonatan Moisés Diniz, 0 “brasileiro preso político pela ditadura de Nicolás Maduro, na Venezuela”, segundo a Folha, divulgou um vídeo onde se gaba de ter planejado  provocar a própria prisão.

“Se eu fui pra lá e eu fui preso, é porque eu incitei ser preso”, disse. “Eu sozinho não teria nenhuma voz, mas eu indo para a cadeia aconteceu exatamente o que estava nos meus planos.”

Diniz, morador de Los Angeles, surgiu do nada, no final do ano passado, pedindo doações para “alimentar pessoas” nas redes sociais, através de um “ong” que ele mesmo criou para “mudar a Terra”e nem tinha existência formal.

A imprensa publicava, candidamente, suas declarações de que “chorava por ver crianças de 5, 6 anos prepararem bombas molotov no meio da avenida para se prepararem para os confrontos”.

Valia tudo.

E a turma fanática daqui saiu a denunciar a perseguição do “chavismo” a um sujeito que ou é maluco, ou é picareta ou ganhou alguns dólares  criando um incidente diplomático. Se é que nossa diplomacia não ajudava a uma “peça” destas.

Não é demais pensar isso, já que nosso chanceler, Aloysio Nunes Ferreira, fez parte daquele convescote de excursão-provocação, ao lado do “maleiro” Aécio Neves, que só conseguiu ficar presa num engarrafamento e foi devidamente escorraçada de lá.

Capaz do rapaz ganhar uma medalha de ouro do Donald Trump. E derreter…

Continuar Lendo

AS MAIS LIDAS DA SEMANA

Copyright © 2017 Página Simões Filho