Conecte conosco

TEXTÍCULOS DO MÁRIO

TEXTÍCULOS DO MÁRIO: EM BUSCA DE IDIOTAS QUE ACREDITEM EM CANALHAS

Publicado

em

Textículos do Mário - Canalhas em busca de idiotas
MW Auto Peças 40 Anos

Amigo navegante, obrigado por ler mais um dos meus textículos – meus pequenos textos.

Dois mil e vinte e dois, está chegando e com ele um horda de oportunistas que imaginam que se elegerão surfando na onda do ódio e enganando o povo envangélico, de novo.

Esses ditos homens de bem, que agora se passam por reprensentantes de autíssimo, pregam aos ventos que o deus que eles imaginam ser donos irá castigar aqueles que eles escolheram apontar como inimigos políticos, inimigos do povo, escadas perfeitas para aventuras eleitorais. Na velha tática Vai que cola!

É verdade sim que o povo acreditou em mamadeira erótica distribuidas nas escolas, acreditou na caixa preta do BNDES e acreditou até que Bolsonaro era evangélico e o escolhido de Deus, que guiou dedos até o botão verde da urna eletrônica. Mas daí, querer que o povo de simões filho acredite “boas intenções”, é demais.

De boas intenções, templos e inferno estão lotados.

Acreditem péssimos atores, o povo não é besta. Tá tão na cara que só desperta risos.

A coisa tá assim: a fome apertando, os restos sendo oferecidos aos pobres e cloroquina como política pública.

Enquanto isso, em Simões Filho, ou melher em videozinhos ridículos nas redes sociais, canalhas mimetizam canalhas e arvoram-se ser o atual MOISÉS, salvadores de um povo escravizado. Qua qua qua!

Medíocres atores, mimetizando canalhas em busca de idiotas por toda a cidade.

TEXTÍCULOS DO MÁRIO

TEXTÍCULOS DO MÁRIO: COMEÇOU! ESTÃO RONDANDO POR AÍ… E A HISTORIA SE REPETE

Publicado

em

textículos do mário

Olá! amigo navegante! o mundo da voltas, capota e o modus operandi é sempre o mesmo: faz de conta que grita, esperneia, bota a boca no trombone, o microfone na boca do povo e blá blá blá…

Daqui a pouco, silêncio…

Os personagens vez ou outra são outros, mas e dai?

Mas como dizem que é sempre bom alertar. Então la vai: ATTENTION HOUSTION WE HAVE PROBLEM!

Se liga nas manobras, prefeito! Abre o olho, jovem!

2022 está logo depois da esquina. Vem nova onda de COVID-19, vem apagão e vem as rasteiras.

Quem ontem lhe foi útil, agora busca lhe surpreender. Ainda não será com gritos, mas os berros virão e serão, dois os alvos do oportunismo.

Uma dica: para saber onde ocorrerá o próximo take(teique), basta verificar o cronograma da coleta de lixo.

Não entendeu? Então da uma pausa na correria e curte um pouco de Facebook, ouve Os ParalamasEu quiz dizer, você não quiz escutar…

Garanto que vais entender.

Continuar Lendo

TEXTÍCULOS DO MÁRIO

TEXTÍCULOS DO MÁRIO: SIMÕES FILHO VAI FICAR UMA “XIQUEZA” SÓ, COM ZONA AZUL E HIDRANTES

Publicado

em

hidrante em simões filho

Olá, amigo navegante! já pensou em morar numa cidade chique?

Seus problemas acabaram!

Chega dessa bagunça de estacionar de qualquer jeito, em qualquer lugar nas ruas da nossa #bonne terre #bonnes gens, é, escrevi em francês só pra combinar, qua qua qua!

Agora, nossa querida e amada Simões Filho terá ESTACIONAMENTO ROTATÍVO nas vias públicas, popularmente conhecido como zona azul.

Quer mais, “xiqueza”? Então lá vai: além das zonas coloridas com a cor do céu, um do nobres vereadores fará uma indicação para instalação de hidrantes nas, largas calçadas do centro da cidade.

Bem, nesse rítmo, não custa nada sonhar com um teleférico ligando o Ponto de Parada com Goes Calmon, já pensou na bela vista que seria?

Juntando tudo isso com um heliporto às margens da Elmo Cerejo, logo logo Simões Filho será cenário de filme de ação.

Ah! a votação das duas propostas será amanhã, na sessão ordinária. Não vai lá? Não tem problema, assinte ao vivo pelo página Simões Filho.

Continuar Lendo

Eleições

TEXTÍCULOS DO MÁRIO: CADÊ O DOTÔ?

Publicado

em

TEXTÍCULOS DO MÁRIO: CADÊ O DOTÔ?

Caro amigo navegante, bom dia!

Como diz o grande poeta Odair José: “o tempo vai, o tempo vem, a vida passa…”

Para nossa sorte ou não, vem aí mais uma eleição.

E por falar em eleição, a pergunta que os integrantes do atordoado grupo de eleitores do deputado estadual Eduardo Alencar faz em todos os encontros casuais nas ruas de “simoncite” é: cadê o “dotô”?

Essa, não é A PERGUNTA QUE NÃO QUER CALAR, na verdade é a pergunta que faz calar.

Faz um teste aí e tenta me responder, vamos lá!

Eu pergunto e você responde:

1 – 2 – 3: “CADÊ O DEPUTADO EDUARDO ALENCAR”?

(…)

Sabe não?

Nem Eu…

Fica ai com esse grande sucesso de Odair José.

Continuar Lendo

AS MAIS LIDAS DA SEMANA